[Série] Supergirl (2015)

29 outubro 2015

Sinopse: Kara Zor-El nasceu no planeta Krypton, e escapou da destruição há anos. Desde então, ela chegou à Terra, e vem escondendo os poderes que ela e seus primos têm. Mas agora, aos 24 anos, ela ela decidiu assumir suas habilidades e ser a heroína que nasceu para ser.

Oi pessoal :) Mais uma personagem do universo da DC Comics saiu das páginas dos quadrinhos e foi pra TV: Supergirl \o/

A série Supergirl foi desenvolvida pelos mesmos produtores executivos das séries Arrow e The Flash, Greg Berlanti e Andrew Kreisberg, e deve integrar o mesmo universo desses dois héróis, talvez. O primeiro capítulo foi ao ar essa segunda-feira (26/10) no canal CBS, eu assisti e resolvi fazer esse post pra vocês :) Se você curte Arrow ou The Flash como eu, gostar do trabalho desses produtores é o primeiro motivo pra você conferir o piloto de Supergirl, gostar da Melissa Benoist desde Glee é o segundo!

Eu curto muito de filmes e séries com heróis, e mesmo amando ler, os únicos quadrinhos que eu li foram os da Turma da Mônica. Assim, tudo o que eu sei sobre essa heroína é fruto de Smallville e do meu amigo Google, então se sair alguma coisa errada, sinta-se na obrigação de me corrigir ;)


A Supergirl tem um suuuuper histórico e muitas versões nos quadrinhos desde 1959, a versão abordada nessa série é a da Kara Zor-El, que foi enviada de Krypton para viver na Terra quando ela tinha 13 anos para proteger o seu primo Kal-El (Superman). Só que a nave dela saiu de curso depois da explosão que destruiu o planeta Krypton e só chegou a Terra 24 anos depois do Superman. Kara não envelheceu durante esse tempo e ficou surpresa quando viu que o bebê que ela havia sido enviada para proteger já estava mais velho que ela e um herói estabelecido.

Kara foi então adotada pela família Danvers, que a ajudou a esconder os seus poderes durante os últimos 12 anos, e ela tenta ser uma humana normal, levando uma vida normal como Kara Danvers em National City, afinal, a Terra já tinha um herói ;)



Pausa pra eu soltar a minha fangirl rapidinho: a série me ganhou quando eu vi o Dean Cain logo no começo hahahaha, que fazia o Superman na série Lois e Clark, As Novas Aventuras do Superman, e sempre foi meu favorito, tá, parei.



Para impedir que uma tragédia aconteça, Kara finalmente resolve aceitar quem ela é e usar as suas habilidades para ajudar as pessoas se tornando uma heroína.



A série está recheada de personagens da DC, um deles é Cat Grant, a CEO que fundou o conglomerado de mídias CatCo Worldwide Media, Kara é sua assistente pessoal na CatCo. Cat é ambiciosa e aquele tipo de chefe inspirada na personagem de Meryl Streep em O Diabo Veste Prada, não precisa falar mais, né? É ela quem faz o nome #Supergirl crescer nas redes e faz com que Kara passe de um mistério para a maior notícia em muito tempo.


Além de comida gordurosa, não tem nada que as pessoas amem mais que um herói
— Cat Grant.

Junto com pais adotivos, Kara também ganhou uma irmã adotiva, Alexandra Danvers. Elas têm um ótimo relacionamento, mas Alex se preocupa com Kara e pensa que se ela usar os seus poderes, ela pode estar em perigo. Alex é a única personagem importante que não está nos quadrinhos, até agora.

Winn Schott é programador na CatCo e amigo de Kara, ele tem uma queda enooooorme nela e é a primeira pessoa fora da família para quem Kara conta o seu segredo, e Winn a ajuda com o seu uniforme e nos seus primeiros momentos como super-heroína, ele também está nos quadrinhos :) 

Por último mas definitivamente não menos importante, James Palmer, se você assistia Smallville você deve lembrar que ele é amigo do Superman. Ele se muda de Metropolis para National City, porque queria uma mudança de ares e acaba aceitando a vaga de novo diretor de arte da CatCo. Jimmy é charmoso e deixa Kara meio sem palavras quando eles se conhecem, nem precisa dizer o porquê haha #cuteguyalert


Sobre o primeiro episódio: eu gostei bastante, a Kara é animada, fofa e agitada, ela quer genuinamente ajudar a salvar o mundo, e a Melissa é perfeita pro papel. Supergirl tem mais vibe de The Flash do que de Arrow: leve, divertido, com um pouco de ação e mistério providenciados pelos vilões, e a cidade é ensolarada e feliz :) Entretanto, assim como eu faço como toda série, ainda vou assistir mais uns 4 ou 5 capítulos pra decidir se eu adiciono essa série permanentemente à minha longa lista de séries que eu assisto, eu gostei do gancho que ficou pra 1° temporada e do trailer do segundo capítulo, então eu vou acompanhar por enquanto. 


Se você é fã da Supergirl nos quadrinhos, você pode não curtir o piloto, a personalidade da Kara é bem diferente nos quadrinhos: ela tem um ar mais dark e agressivo, tem um passado mais obscuro, vê os seres humanos como uma raça inferior e não deixaria de usar os seus poderes por mais de 10 anos pra se inserir na sociedade (por favor me corrijam se eu estiver falando alguma bobagem hehe). Esse episódio piloto mostra até agora a versão feminina do Superman, então eu recomendo que você assista por sua conta e risco e tire as suas próprias conclusões ;)

Caso você esteja conhecendo a Supergirl agora, e por acaso você sente falta de Buffy e Smallville, talvez essa série seja pra você! Supergirl será exibida pela Warner Channel dia 4 de novembro às 22h30. Confere o trailer até lá :)

6 comentários:

  1. Oi, Fernanda! Tudo bem? Menina, eu não sabia que Supergirl já tinha estreado! Ainda bem que você fez esse (super) post, pois assim eu já fico ligadinho na série! Supergirl tem tudo para ser uma ótima série. Estou ansioso para assisti-la! :) Parabéns pelo post!

    Abraço

    http://tonylucasblog.blogspot.com.br/2015/10/resenha-premiada-muito-mais-que-5inco.html <- Tá rolando promoção do livro "Muito Mais Que 5inco Minutos" lá no blog! ;)

    ResponderExcluir
  2. Hey!
    Eu assisti o pilot quando vazou alguns meses atrás, e foi uma droga por que amei a série mas só estrearia no fim do ano, ou seja, tive que esquecê-la para não pirar! Hahahah!
    Já estreou? Eu achei que seria em novembro, que bom! Não vejo a hora de conhecer um pouco mais sobre a Kara. Eu adoro "super heroínas"! :)

    Um beiijo,

    http://tordodemorango.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oii
    Eu nunca acho que as séries de super heróis são tão legais quanto os filmes...
    Mas já vi o comercial dessa várias vezes e até fiquei meio animada de começar a acompanhar..

    Beeijo
    www.ooutroladodaraposa.com.br

    ResponderExcluir
  4. Olá Fernanda!
    Descobri seu blog hoje, quando vi o post do Supergirl eu tive que ler... eu estou naquela fase: assisto ou não assisto? Queria muito ver porque gosto de Arrow e esse universo de quadrinhos ganhando espaço no cinema e TV, mas não gosto da atriz... acho ela tão sem sal... mas tenho que ver antes de tirar uma conclusão né?
    Já comecei a seguir o blog e voltarei mais vezes, principalmente, para te contar o que achei da série.
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oiii Fee =DD
    Aiiin eu to ansiosa pra poder assistir essa serie meew *__*
    Adooro as HQs da Supergirl mal posso esperar!
    Bjooos <33
    http://chacombolacha.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Oi Nanda!!!

    Então, adorei o post e achei bem completo! Antes dessa série estrear, eu já estava interessada nela, achei tudo muito atrativo. Mas nem tentei assistir ainda. Nada. >.< E nem sei se vou, com a vida agitada do jeito que está! Mal consigo lidar com Grey's Anatomy e um pouquinho de The Vampire Diaries... rsrs Mas espero poder ver um dia, interesse não falta! rs

    Beijos flor!
    www.bestherapy.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Muito obrigada pela visita! Eu respondo por aqui mesmo ou pode deixar o link do seu blog que eu visito você :) Espero que você volte logo! Nanda ;)