[Resenha]: Segredos de uma Noite de Verão - Lisa Kleypas (Quatro Estações do Amor #1)

25 setembro 2015

Sinopse: Apesar de sua beleza e de seus modos encantadores, Annabelle Peyton nunca foi tirada para dançar nos eventos da sociedade londrina. Como qualquer moça de sua idade, ela mantém as esperanças de encontrar alguém, mas, sem um dote para oferecer e vendo a família em situação difícil, amor é um luxo ao qual não pode se dar.Certa noite, em um dos bailes da temporada, conhece outras três moças também cansadas de ver o tempo passar sem ninguém para dividir sua vida. Juntas, as quatro dão início a um plano: usar todo o seu charme e sua astúcia feminina para encontrar um marido para cada, começando por Annabelle. No entanto, o admirador mais intrigante e persistente de Annabelle, o rico e poderoso Simon Hunt, não parece ter interesse em levá-la ao altar – apenas a prazeres irresistíveis em seu quarto. A jovem está decidida a rejeitar essa proposta, só que é cada vez mais difícil resistir à sedução do rapaz. As amigas se esforçam para encontrar um pretendente mais apropriado para ela. Mas a tarefa se complica depois que, numa noite de verão, Annabelle se entrega aos beijos tentadores de Simon... e descobre que o amor é um jogo perigoso. No primeiro livro da série As Quatro Estações do Amor, Annabelle sai em busca de um marido, mas encontra amizades verdadeiras e desejos intensos que ela jamais poderia imaginar.


Quem me acompanha aqui no blog sabe que a Lisa é a minha queridinha entre as autoras de romances de época da Arqueiro. Eu já postei aqui uma resenha enorme de todos os livros da série Os Hathaways, que é um spinoff da série Quatro Estações do Amor, eu li os quatro livros há alguns anos e eu fiquei super feliz com o lançamento dos livros aqui no Brasil e com a oportunidade de reler a série em português :)

– Existe uma razão para a Srta. Peyton e suas amigas devoradoras estarem solteiras, Hunt. Elas são problemáticas. Se os eventos de hoje não deixaram isso muito claro, então não há esperança para você.

Annabelle Payton, Lillian Bowman, Daisy Bowman e Evangeline Jenner são as quatro senhoritas que estão sempre pegando chá de cadeira nos bailes da alta estação de Londres. Elas ficam sentadas no canto junto com as solteironas e nunca haviam se falado antes, até que frustradas com a falta de pedidos para dançar elas finalmente começam a interagir e descobrem que elas podem ser muito mais bem sucedidas na caça aos melhores cavalheiros para casar se ficarem unidas, e acabam se tornando grande amigas.



Como elas trabalham por ordem de prioridade, Annabelle Payton é o primeiro projeto da estação, que já está quase no fim e ela já está passando da idade de casar, quase 25 anos (porque eu já não me sinto solteira o suficiente, o livro ainda vem esfregar na minha cara haha) e já passou por 4 temporadas! A família de Annabelle ficou praticamente pobre depois da morte de seu pai e ela não tem dote, então ela precisa casar logo e com um cavalheiro podre de rico pra ajudar a família. Ela é uma das mais belas da estação, só que como isso aqui não é a Disney, na vida real ela começa a receber várias ofertas, mas não de casamento e sim para se tornar amante de um deles, e se a sorte dela não mudar, ela vai ter que repensar a vida de amante excluída da sociedade.

Simon Hunt é um dos homens que fez essa oferta nada honrada para Annabelle. Simon é filho de um açougueiro que ficou rico trabalhando com especulação financeira, ele tem dinheiro, mas ainda é um plebeu. Só por não ser um cavalheiro, Annabelle já não vai com a cara dele (já já falo disso), quando ele declara as intenções de esperar que ela esteja desesperada o suficiente pra cair nas garras dele na condição de amante, pronto! Ela não quer vê-lo nem pintado de ouro, até porque rola aquela velha química com ele que só deixa a Annabelle mais nervosa. Quando surge o convite pra passar o final da temporada na casa de um conde no interior de Londres (1 mês! Esse povo da sociedade não tinha mesmo mais o que fazer né), as nossas queridas wallflowers colocam o plano de arranjar um marido adequado pra Annabelle em prática, só que o Simon não vai entregar os pontos assim fácil, e que os jogos comecem...

-Evie - interrompeu-a Lillian de modo impaciente -, os homens esperam ser enganados nessas questões. São mais felizes dessa forma. Se nos comportarmos de maneira honesta, toda essa história de casamento seria demasiadamente inquietante e nenhum deles iria querer se casar.



Mesmo depois de rico e poderoso, Simon não se encaixa na alta sociedade e ele gosta assim, ele é direto, honesto e bem arrogante, mas na opinião da Annabelle, não é o tipo certo para ela. É, vocês estão vendo que eu não fui com a cara dela né haha, o que foi algo que ao mesmo tempo bom e ruim, por um lado eu gostei de ver uma mocinha que não tem sempre aquele coração 100% bom e gentil, por outro lado eu pensei que ela fosse continuar se achando superior ao Simon o livro inteiro.

Porque percebi, durante os últimos dias, que não quero deixar que ninguém tenha dúvidas sobre a quem você pertence. Inclusive você mesma.

Annabelle é amorosa e se importa com a família e com as suas novas amigas, mas ela é muitas vezes pretensiosa, arrogante e egoísta, ela tem uma visão bastante preconceituosa, olhando de nariz empinado e de forma bastante esnobe quando se trata da classe trabalhadora e da nobreza. Eu honestamente achei que eu ia terminar o livro sem ir com a cara dela, mas perto do fim ela me convenceu (mais ou menos porque eu sou difícil haha), ficou tudo lindo e gostei bastante do livro. O Simon e a Annabelle são duas peças de um quebra-cabeça que se encaixam direitinho mas demoram pra admitir. Essa é uma leitura super leve, romântica e divertida, pois além das interações entre o casal, nós ainda acompanhamos esse quarteto aprontando muito, se você gostou dos Hathaways, ou quer começar a ler romances de época, vai gostar muito dessa série, recomendo :) 

Arrepender-se é o único sinal de que se está fazendo algo de interessante na vida.


-Você… Você não deveria me olhar desse jeito.
Cortesmente, ele sussurrou em resposta:
-Com você aqui, não consigo olhar para mais nada.

Segredos de uma Noite de Verão
Título Original: Secrets of a Summer Night
Autor: Lisa Kleypas
Ano: 2015
Páginas: 288
Idioma: Português 
Editora: Arqueiro

4 comentários:

  1. Eu estou pra ler esse livro faz um tempinho, ainda mais que virei a "loka" do romance de época. Comecei e parei logo no início a leitura, mas depois dessa resenha deixa eu correr ali pra ler! hahaahahahaha
    Amei esse último quote♥ já estou previamente apaixonada pelo personagem.
    Isso sobre o livro no prólogo é um mini marcador? Quero pra mim! *-*

    ResponderExcluir
  2. Olá,
    Eu não gosto muito de ler históricos que possuem essa pegada, sabe? Já tentei ler obras do tipo, mas simplesmente vejo que elas não fazem meu estilo, por mais que sejam de qualidade. Os históricos que eu gosto são os da Jane Austen e que seguem essa linha, sabe? Mas gostei da resenha.
    Beijos.
    Memórias de Leitura - memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Oi, Fê!
    Eu li e gostei deste romance. Gosto da escrita da Lisa e em especial deste livro. A protagonista é bem como você descreveu mesmo, mas eu me diverti muito com ela. Não sei se percebeu, mas mesmo sendo da forma que é, ela sofre com as consequências.
    O Simon é muito amor! Adorei-o. Muito lindo.
    Quero ler os demais livros da série e espero não me decepcionar.
    Abraço!

    "Palavras ao Vento..."
    www.leandro-de-lira.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Eu quero muito ler essa série!

    Até comecei, mas dei uma paradinha por conta do #MêsDoHorror, mas vou voltar a ler!


    http://harlancobenn.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Muito obrigada pela visita! Eu respondo por aqui mesmo ou pode deixar o link do seu blog que eu visito você :) Espero que você volte logo! Nanda ;)