[Filme]: Histórias Cruzadas - 2011

25 julho 2015

Sinopse: Jackson, pequena cidade no estado do Mississipi, anos 60. Skeeter (Emma Stone) é uma garota da sociedade que retorna determinada a se tornar escritora. Ela começa a entrevistar as mulheres negras da cidade, que deixaram suas vidas para trabalhar na criação dos filhos da elite branca, da qual a própria Skeeter faz parte. Aibileen Clark (Viola Davis), a empregada da melhor amiga de Skeeter, é a primeira a conceder uma entrevista, o que desagrada a sociedade como um todo. Apesar das críticas, Skeeter e Aibileen continuam trabalhando juntas e, aos poucos, conseguem novas adesões.
Oi pessoal! Hoje trouxe uma dica de um filme ótima pra quando você estiver revirando a Netflix aí na sua casa sem saber o que escolher ;)

Não importa a cor do cabelo, o estilo das roupas, muito menos a cor da pele. Nada disso define caráter.

























Histórias Cruzadas é a adaptação para as telonas do livro homônimo da Kathryn Stockett, best-seller que ficou na lista do New York Times por mais de 100 semanas. O filme se passa na década de 60 nos EUA, durante o período do Movimento dos Direitos Civis dos Negros nos Estados Unidos, onde havia segregação racial na sociedade. O filme retrata um pouco de como era o relacionamento entre as donas de casa e as empregadas da cidade de Jackson, no estado do Mississipi.


Nós conhecemos Skeeter (Emma Stone), ela tem 22 anos, acaba de chegar da faculdade e mesmo que ela tenha um diploma, a sua mãe não vai sossegar enquanto ela não arranjar um marido, mas Skeeter não segue o padrão das suas amigas e a sua vida amorosa não é prioridade. Ela arranja um emprego como colunista do jornal local para escrever sobre dicas domésticas, ela pede ajuda de Aibileen para escrever as suas colunas e é aí que as coisas começam a mudar.

























Aibileen Clark (Viola Davis) é empregada de uma das amigas de Skeeter, ela é uma mulher sábia que já praticamente criou vários filhos das suas patroas. Ela toma conta de uma menininha muito fofa que ela adora, mesmo que ainda sofra muito com a morte trágica e injusta de seu único filho.

























Minny (Octavia Spencer) também é empregada, ela é a melhor amiga de Aibileen e a mais espevitada, acaba trazendo a veia cômica do filme. Ela é ótima em seu trabalho e ela é a melhor cozinheira da cidade, mas ela não consegue segurar a língua e acaba sendo despedida.  

























Mesmo com todas as leis e falatório da sociedade, Skeeter começa a entrevistar todas as mulheres negras da cidade sobre os seus relacionamentos com suas patroas, um projeto clandestino que pode colocar todas em risco, mas algumas regras são feitas para serem quebradas, e juntas elas começam um movimento que acaba mudando as visões de muitos de forma irreversível. 

























O roteiro é maravilhoso e as atuações são impecáveis. O filme tem seu lado dramático, cômico, mas acima de tudo nos faz refletir sobre diversas questões sociais que existem atualmente graças aos movimentos iniciados no passado, e que a luta por igualdade de direitos infelizmente ainda está longe de terminar. Esse filme é lindo :) Assistam, super recomendado! 


























Se você consegue amar o seu inimigo, você já tem a vitória.


Título Original: The Help
País: EUA, Índia , Emirados Árabes Unidos
Gênero: Drama.
Duração: 2h26min.
Lançamento Nacional: 3 de fevereiro de 2012.
Distribuidor: DISNEY / BUENA VISTA.

3 comentários:

  1. Oie Fer
    infelizmente ainda não tenho netflix :( chora. Mas sempre que esse filme passa no telecine nunca consigo assistir. Sempre quis ler o livro, mas acho que dessa vez vou preferir assistir ao filme, pois amo a atuação da Viola e da Emma.
    bjos
    www.mybooklit.com

    ResponderExcluir
  2. Olá, tudo bem?
    Já assisti esse filme e simplesmente amei. Sou historiadora, então essas disputas por direitos sempre me interessam, ainda mais vivendo num país onde as marcas da escravidão são tão presentes e o racismo tão velado. Acho que todos deveriam conhecer melhor essa questão dos negros nos USA, pretendo ler o livro também, mas não acho para comprar :(. Adorei a resenha, bjks!!!
    http://lendoaestante.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Olá!
    Já tinha visto um trailer desse filme anos atrás, mas acabei esquecendo de assistir depois. A história parece simplesmente linda, já sei qual vai ser minha programação da noite, haha. Mas confesso que o meu maior motivador são os figurinos, a moda da década de 60 era fofa demais ♥
    Abraços purpurinados~
    Elisa,
    The Fat Unicorn

    ResponderExcluir

Muito obrigada pela visita! Eu respondo por aqui mesmo ou pode deixar o link do seu blog que eu visito você :) Espero que você volte logo! Nanda ;)